Cartas da rainha Elizabeth I mostram sua desconfiança sobre Mary, rainha da Escócia

Londres: um valioso acervo, contendo 43 cartas escritas pela rainha Elizabeth I da Inglaterra, pelo seu principal ministro, Lorde Burghley, e pelo seu secretário de Estado, Sir Francis Walsingham, acaba de ser doado pelo empresário americano Mark Pigott, à British Library. Pigott, cuja compania, Paccar, doou cerca 1,35 milhões de dólares para a British Library em 2008, já tinha emprestado…